Gambiarras elétricas – Porque não fazer e como evitar!

Escrito na categoria "Curiosidades da eletricidade" por Henrique Mattede.

O que você faria se desse de cara com uma gambiarra absurda? Saberia como resolvê-la ou faria outra gambiarra por cima? Em qual situação costuma fazer uma gambiarra? Neste artigo do Mundo da Elétrica, vamos falar sobre três gambiarras elétricas absurdas que são chamadas de “recurso técnico”. Então, vamos lá pessoal!

Circuito para Chuveiro

Nesta primeira gambiarra, temos uma instalação “super moderna” de um circuito para o chuveiro, que na verdade tem alguns pontos negativos. Vamos mostrar esses pontos negativos por partes, então fique atento!

Primeiro, é importante destacar que de acordo com o item 9.5.3.1 da norma NBR 5410: Todo equipamento que tenha uma corrente nominal superior à 10A, deve possuir um circuito independente.

Portanto, o chuveiro necessita de um ponto de alimentação exclusivo, pois certamente a sua corrente nominal vai ultrapassar este valor!

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Derivação do Circuito de Iluminação para o Chuveiro.

Isso com certeza vai sobrecarregar toda a instalação, podendo causar curto-circuito e incêndio. Fora o erro de não seguir a norma, também temos outros problemas para citar.

Existem casos em que o circuito do chuveiro é derivado diretamente do circuito de iluminação. E nesses casos, se você tiver que fazer alguma manutenção no chuveiro, vai precisar desligar toda a iluminação.

Nestas condições, quando você ligar o chuveiro, as lâmpadas vão sofrer uma queda de tensão, perdendo potência e ficando mais fracas!

Muita gente reclama do preço da conta de luz, mas será que a instalação elétrica desta residência está bem dimensionada? Caso você não saiba, essa condição que mostramos na gambiarra faz com que a sua conta de luz fique mais cara, e isso acontece justamente por causa das perdas.

Além disso, veja abaixo como o fio está preso na janela. Se alguém fechar essa janela, o cabo pode ser cortado e oferecer um enorme risco de choque elétrico! Então, só nesta primeira imagem já temos vários alertas graves.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Perigo de Corte do Cabo ao fechar a Janela!

Emenda de “Perfuração”

Na segunda gambiarra temos uma nova modalidade de emenda, uma técnica “extremamente inovadora”.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Emenda de Derivação por “Perfuração”.

Aqui, o “eletricista” fez a derivação de um cabo do disjuntor para um outro circuito, e logo em seguida fez uma emenda usando um conector de torção.

Nós já vimos algumas pessoas furando o cabo para saber se ele está energizado ou não. Parece loucura, mas é isso mesmo que você leu! O correto nessa situação onde é preciso conferir se o cabo está energizado é usar um detector de tensão.

Mas voltando à gambiarra elétrica, o que pode acontecer furando este condutor? Além de ser uma prática muito perigosa que coloca em risco a sua própria segurança, também temos os problemas estruturais nos componentes.

Ao fazer isso, você altera as características mecânicas e de isolação do cabo, ou seja, ele provavelmente não vai funcionar corretamente. Apesar do parafuso ser feito de um material condutor, ele não foi fabricado para essa finalidade. E não podemos determinar qual é a sua capacidade de condução.

Neste ponto onde houve a “emenda de perfuração” vai acontecer um aquecimento excessivo, que pode causar o derretimento da isolação do cabo!

E apesar da norma não citar, alguns livros técnicos orientam que não devemos fazer derivação com cabos de seção nominal diferentes no disjuntor. Os motivos são simples:

Como não está visível qual é a finalidade deste cabo, daremos dois exemplos para resolver este problema:

Para quem não quer ver a sua conta de luz subindo do nada, este é mais um tipo de “recurso técnico” que nunca deve ser usado!

Plugue de Tomada

A terceira e última gambiarra é esse inexplicável e inaceitável plugue de tomada!

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Gambiarra de Plugue fora do Padrão.

E se você acha isso um absurdo, além dessa aí que conecta os cabos em outro plugue, temos relatos de várias instalações elétricas com os cabos ligados direto na tomada.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Cabos Elétricos ligados diretamente nos bornes da Tomada.

A desculpa é sempre a mesma:

Os plugues e tomadas existem justamente para facilitar a conexão do equipamento na rede elétrica. Mas quando o padrão não é compatível, cortar o plugue e fazer essa gambiarra não vai adiantar de nada.

Essa “ligação” pode causar uma série de problemas graves como por exemplo:

E existem duas maneiras simples para solucionar este problema corretamente.

Adaptadores

Alguns equipamentos já vêm com os adaptadores adequados para cada padrão de tomada. E vale lembrar que este padrão também muda de um país para o outro, conforme a imagem abaixo.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Diferença dos plugues de países distintos.

Sobre o uso de adaptadores, temos um alerta importante: alguns eletricistas podem recomendar o uso de outros tipos de adaptadores. Mas tenha cuidado, porque existem adaptadores que não possuem a certificação do INMETRO!

Estes componentes paralelos podem oferecer riscos de mau contato, sobreaquecimento, falha na isolação e não garantir a funcionalidade do pino de proteção.

Portanto, usar adaptadores piratas sem dúvidas vai colocar a sua instalação e a sua vida em risco! Veja este adaptador abaixo, o sobreaquecimento foi tão grande, que já estava derretendo o componente.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Adaptador “Benjamim” Derretido por sobrecarga.

Este tipo de situação pode causar um grave acidente elétrico ou pior ainda, colocar fogo na instalação.

Plugue de Tomada

Para esta solução, temos duas condições com respostas diferentes.

A primeira condição é quando o aparelho tem o plugue fora do padrão de 3 pinos, que é o estabelecido pela norma NBR14136.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Aparelho com plugue fora do padrão brasileiro.

E a resposta aqui é simples, se o equipamento não tiver adaptadores originais, você deve trocar o equipamento para um que atenda a norma.

A segunda condição é quando o aparelho tem o plugue no padrão de 3 pinos, mas as tomadas estão fora da norma.

Gambiarras Absurdas da Elétrica!

Tomada fora do padrão brasileiro.

Neste caso, o correto é trocar as tomadas. Mas é importante tomar cuidado, pois além da tomada, é necessário conferir o dimensionamento dos cabos e dos outros componentes da instalação.

Sendo assim, qualquer método diferente destes citados é uma gambiarra elétrica! E isso deixará a instalação e os usuários expostos a acidentes graves!

Qual a opinião de vocês sobre as gambiarras mostradas? Deixe nos comentários para a gente continuar debatendo sobre o tema!

Nós acreditamos que agora você já sabe o que fazer quando se deparar com alguma dessas gambiarras. Mas para que você compreenda as consequências de acidentes elétricos, veja o vídeo abaixo do canal do Mundo da Elétrica!

Compartilhe este artigo para nos ajudar e para conscientizar mais profissionais a não fazer essas gambiarras elétricas! Caso tenha ficado alguma dúvida, sugestão ou se souber de uma gambiarra que não falamos aqui, é só deixar aqui nos comentários e te responderemos com prazer!

Se quiser continuar aprendendo sobre eletricidade, continue acompanhando o site do Mundo da Elétrica e nos siga nas nossas redes sociais!

Sobre o autor

Autor Henrique Mattede

Eletricista desde 2006, Henrique Mattede também é autor, professor, técnico em eletrotécnica e engenheiro eletricista em formação. É educador renomado na área de eletricidade e um dos precursores do ensino de eletricidade na internet brasileira. Já produziu mais de 1000 videoaulas no canal Mundo da Elétrica no Youtube, cursos profissionalizantes e centenas de artigos técnicos. O conteúdo produzido por Henrique é referência em escolas, faculdades e universidades e já recebeu mais de 120 milhões de acessos na internet.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário