Medidor de energia, características!

Qual é a sua dúvida sobre medidor de energia? Sempre que o assunto é padrão de entrada surgem muitas dúvidas, mas uma das principais dúvidas é em relação ao medidor de energia na entrada da concessionária. Neste artigo o Mundo da Elétrica mostrar as principais características de um medidor de energia, e explica como instalar um medidor de energia elétrica que também é conhecido popularmente como relógio de energia. Vamos lá!

Para que serve os medidores de energia?

Mesmo algumas pessoas sabendo o que é um medidor de energia, ainda existem pessoas que não sabem o que é um relógio de luz. Diferente dos multímetros que medem várias grandezas elétricas, o medidor de energia é um equipamento elétrico dedicado a medir o consumo de energia elétrica de um determinado circuito.

Todas as casas têm um medidor de energia, e através das medidas de energia do medidor é que a concessionária faz a tarifação para que o responsável pela casa pague pela energia que consumiu.

Por que as lojas vendem medidores de energia?

Você já se perguntou por que as lojas vendem medidores de energia, sendo que é as concessionárias que instalam os medidores na entrada das instalações! Então, sabemos que a função do medidor é só registrar o consumo, porém em uma instalação o dono pode querer saber qual o consumo de um determinado aparelho ou circuito, por exemplo, saber apenas qual o consumo das câmaras frigoríficas de um supermercado.

Outra situação para utilizar os medidores é em shoppings onde é comum haver apenas uma entrada da concessionária. A administração do shopping faz as medições de cada loja usando quadros de medição. Neste caso, a administração realiza a divisão do valor da energia elétrica entre cada loja através da leitura dos medidores individuais, o mesmo pode acontecer em condomínios.

Como fazer a instalação de medidores?

Realizar a instalação de medidor de energia pode parecer difícil, mas é bem simples! Esse modelo de medidor da imagem abaixo é um polifásico de quatro fios, usado em instalações trifásicas, ou seja, por ele passam as 3 fases e o neutro. Seu uso é para medição de consumo em baixa tensão, neste modelo a faixa de tensões tolerada está entre 120 e 240V.

Por ele passam as 3 fases e o neutro.

Medidor de energia polifásico.

No total temos 8 terminais, os quatro primeiros de entrada dos cabos da linha e os outros quatro terminais de saída para a carga. Para realizar a instalação é só conectar os cabos que vem do padrão de entrada nos quatro primeiros bornes, e nos quatro bornes de saída são ligados os cabos até o disjuntor geral do QDC. Como o padrão de entrada tem um disjuntor geral pode se optar em proteger ou não o medidor com outro disjuntor.

Instalação de medidor de energia.

Como fazer a instalação de medidores?

Um ponto que deixa muita gente incomodada, é com relação ao consumo de energia do próprio medidor de energia. Como o medidor tem um circuito eletrônico interno, um LED e um display que estão ligados o tempo todo, acaba surgindo a dúvida de quanto consome o medidor!

Para esclarecer essa dúvida basta medir a corrente de funcionamento do medidor. Nesse teste deve ser desligado o disjuntor que alimenta a carga, que no nosso caso é o disjuntor geral do QDC. Usando um alicate amperímetro para medir a corrente elétrica dos cabos de entrada e saída, mas geralmente o consumo é tão baixo que o multímetro não consegue identificar a corrente de funcionamento.

Mas geralmente o consumo é tão baixo que o multímetro não consegue identificar a corrente de funcionamento.

Consumo de energia do próprio medidor de energia.

Características do medidor energia

Existem modelos de medidores que fazem as medições tanto da energia ativa quanto da energia reativa, que são usados em sistemas industriais onde na tarifação é cobrada toda a energia utilizada, inclusive a energia reativa. Os consumidores residenciais não pagam pela energia reativa, por isso os medidores instalados nas residências não fazem medição reativa.

Uma outra característica importante é a classe de medidor. Esta é uma característica relacionada ao percentual de erro tolerado para a medição segundo os testes de aferição. Este percentual é definido pelas regras de aferição do INMETRO e pelas normas técnicas de fabricação dos medidores.

Existem algumas pessoas que não confiam no medidor de energia da sua casa, mas para que um novo modelo de medidor de energia seja comercializado no Brasil, é realizado um processo de homologação que passa pelo INMETRO. O processo de homologação passa por vários testes para garantir que o medidor não fuja da margem de erros máxima estabelecida para sua classe.

Os medidores que são instalados pelas concessionárias nas residências, além de serem homologados pelo INMETRO, também passam por homologação na própria concessionária. Cada concessionária é obrigada a manter um laboratório para fazer análise de erro e falhas dos medidores. Essa análise pode acontecer por solicitação do consumidor ou por iniciativa da própria concessionária.

Qualquer consumidor que acha que o seu medidor está medindo para mais, pode solicitar uma análise por parte da concessionária! Inclusive é possível acompanhar todo o processo de análise. Se com o laudo da concessionária o cliente ainda achar que está sendo lesado, é possível recorrer à uma segunda análise feita pelo próprio INMETRO. A energia elétrica no Brasil é muito cara e isso causa muita desconfiança nos usuários de energia elétrica.

Vale a pena conhecer melhor como funciona um laboratório de análise de medidores! Abaixo temos um vídeo do Mundo da Elétrica mostrando os procedimentos realizados pelas concessionárias.

Talvez a grande dificuldade para entender tudo sobre o medidor de energia seja a falta de informações, e para isso o Mundo da Elétrica está aqui para ajudar. Qualquer dúvida deixe nos comentários que iremos responder.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário