Dúvidas sobre Raio e Relâmpago? Respondido!

Escrito na categoria "Curiosidades da eletricidade" por Henrique Mattede.

“Menino do céu, larga esse celular porque está relampejando muito!” Você já ouviu essa frase ou outras parecidas de alguém que morre de medo de raio? Então, para que você saiba explicar sobre os raios e os seus riscos para essa pessoa, acompanhe esse artigo do Mundo da Elétrica!

Nós separamos três ótimas perguntas sobre descargas atmosféricas e vamos responder uma por uma.

Clima Seco ou Clima Úmido?

A primeira pergunta é de um dos nossos seguidores, e ele quis saber quando tem mais probabilidade de formação de descargas atmosféricas, com o clima mais seco ou mais úmido.

Para começar a responder, você precisa saber como é formado o raio. Nós temos vídeos e artigos do Mundo da Elétrica que explicam exclusivamente essa formação, vale muito a pena assistir!

Mas resumidamente falando, a descarga atmosférica pode ser definida como o deslocamento das cargas elétricas entre as nuvens e o solo. Essa descarga acontece por causa do rompimento da rigidez dielétrica do ar, que por sinal é um péssimo condutor de eletricidade, justamente por ter uma alta rigidez dielétrica.

E esse rompimento tem sim variação entre dias secos e dias úmidos! A quantidade de vapor de água presente na atmosfera é o que determina a umidade do ar, ou seja, se ele está seco ou úmido.

Caso você não saiba, o ar úmido tem uma rigidez dielétrica menor, mas calma que isso não quer dizer que já temos a nossa resposta!

A formação das descargas atmosféricas depende de vários fatores como por exemplo, a movimentação de partículas nas nuvens, a umidade do ar, a temperatura e a pressão atmosférica.

E por mais que tudo indique que o tempo úmido facilite a formação de descargas atmosféricas, é justamente o oposto!

O ar úmido acaba roubando um pouco da carga das nuvens e isso dificulta o acúmulo de cargas, ou seja, as descargas atmosféricas acontecem, só que com menos intensidade. Então, nos dias secos há muito mais atrito entre as partículas nas nuvens, gerando um acúmulo maior de cargas.

Mesmo com a rigidez dielétrica do ar sendo maior, nos dias secos a tensão elétrica tem muito mais energia potencial para rompê-la. Por isso a descarga atmosférica no verão costuma ser muito mais intensa e muito mais frequente.

Curiosidades e Características dos Raios!

Variação das descargas atmosféricas de acordo com o clima.

Por exemplo, durante as erupções vulcânicas, acontecem várias descargas atmosféricas, mesmo com a umidade do ar sendo extremamente baixa!

Curiosidades e Características dos Raios!

Raios saindo de um vulcão em erupção!

Fones de Ouvido com Raios?

A segunda pergunta dos nossos seguidores quer saber se tem algum perigo em usar os fones de ouvido quando tem trovoadas, raios etc. Não nos foi especificado se o fone de ouvido está ligado no celular ou no computador, mas a resposta serve para ambas as situações.

Quando há uma tempestade de raios, existe uma enorme chance de alguma descarga atmosférica atingir a rede de energia elétrica próxima da sua casa. E se isso acontecer, o surto elétrico pode sim chegar até a sua instalação elétrica.

Portanto, se o celular ou o notebook estiver carregando, existe sim a possibilidade de tomar choque por causa das descargas atmosféricas.

Mesmo sabendo que o nível de tensão na saída do carregador é extremamente baixo, não podemos prever qual será o nível de tensão deste surto, que pode facilmente romper as proteções do carregador.

Na verdade, tudo que estiver conectado na rede elétrica vai oferecer riscos neste momento. Então, é melhor não “pagar para ver” e evitar este tipo de risco desnecessário.

Concluindo, se você estiver em um local seguro e o equipamento elétrico não estiver conectado na tomada, não há perigo de acidentes relacionados aos raios!

Raio tem Cor?

A terceira e última pergunta quer saber se as cores diferentes dos raios tem alguma explicação!

As cores que foram estudadas e analisadas por institutos meteorológicos são: Azul, branco, amarelo e vermelho.

Curiosidades e Características dos Raios!

Cores dos raios elétricos!

A intensidade dos raios varia de acordo com as cores, e isso foi explicado nos fatores de formação que citamos lá na primeira pergunta!

Quer continuar aprendendo sobre o fenômeno das descargas elétricas? Então veja este vídeo do Mundo da Elétrica sobre mitos e verdades dos raios. Você pode se surpreender com os mitos!

E aí, você gostou dessas dicas? Então já compartilha com aquela pessoa que tem medo de raios para ela ficar mais tranquila. Ficou alguma dúvida ou tem outra pergunta sobre descargas atmosféricas? Deixe nos comentários e a gente vai te responder ou selecionar para um próximo artigo!

Sobre o autor

Autor Henrique Mattede

Eletricista desde 2006, Henrique Mattede também é autor, professor, técnico em eletrotécnica e engenheiro eletricista em formação. É educador renomado na área de eletricidade e um dos precursores do ensino de eletricidade na internet brasileira. Já produziu mais de 1000 videoaulas no canal Mundo da Elétrica no Youtube, cursos profissionalizantes e centenas de artigos técnicos. O conteúdo produzido por Henrique é referência em escolas, faculdades e universidades e já recebeu mais de 120 milhões de acessos na internet.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário