Como identificar e evitar o curto-circuito?

Os curtos-circuitos são problemas comuns em instalações elétricas, mas que podem ser facilmente evitados. Pensando nisso, o Mundo da Elétrica vai te ensinar como identificar e evitar um curto-circuito. Então, vamos lá pessoal!

O que é um curto-circuito?

Para entender o que provoca um curto-circuito, é importante saber que ele representa o caminho mais curto que uma corrente elétrica realiza entre os dois terminais de uma fonte de tensão elétrica.

Geralmente esse fenômeno provoca reações violentas pela dissipação instantânea de energia. Nessas reações podem ocorrer explosões, faíscas, dissipação de calor.

Dessa maneira, quando a corrente elétrica que deve passar pelo fio condutor e chegar ao seu destino atinge uma intensidade muito elevada, somada a um circuito pequeno ou danificado, ocorre um superaquecimento dos condutores, resultando no curto-circuito.

Assim, os aparelhos, máquinas ou instalações conectadas a esse circuito elétrico comprometido param de funcionar instantaneamente. E atenção, em muitos casos acaba comprometendo de maneira irreversível o funcionamento destes aparelhos.

Um exemplo corriqueiro de curto-circuito em residências é quando um garfo é colocado nos buracos de uma tomada. Muitas vezes, esses objetos metálicos são manuseados por crianças ou pessoas imprudentes.

Em pequena escala, um curto elétrico pode apenas causar sustos, mas em instalações maiores, esse tipo de falha pode gerar acidentes fatais e situações catastróficas.

Como identificar um curto-circuito?

Além de causar incêndios, danos materiais e riscos à vida, alguns curtos-circuitos podem ser silenciosos, mas igualmente prejudiciais. Com isso, o problema faz com que equipamentos funcionem de maneira incorreta, desgastando o circuito a longo prazo e gerando altos custos na conta de luz.

Portanto, alguns sinais são importantes na hora de identificar a presença de um curto-circuito, como:

Na imagem abaixo, podemos ver um exemplo de quando ocorre um curto-circuito.

O que é um curto-circuito?

Quando ocorre um curto-circuito.

Como evitar um curto-circuito?

Para evitar problemas em instalações elétricas é imprescindível realizar manutenções regularmente, além de investir em equipamentos de qualidade. Existem várias atitudes no dia a dia que são fundamentais para ficar livre dos curtos-circuitos, por exemplo:

Essa última parte é muito importante, mas pouca gente faz! O ideal é realizar a manutenção preventiva a cada cinco anos, contando sempre com a execução de um profissional capacitado.

Como agir em caso de curto-circuito?

Após um curto-circuito, o primeiro passo é descobrir o ponto do circuito elétrico que causou o problema. Para isso, conhecer as instalações e tomadas que estão em cada circuito da sua casa ou empresa é essencial.

É fundamental desligar os aparelhos da tomada e verificar os fusíveis! Em alguns casos mais simples, realizar a troca do fusível e religar os aparelhos na tensão correta basta.

Porém, se o curto aconteceu em alguma parte da instalação elétrica, o importante é encontrar os pontos de sobrecarga para solucionar o problema.

Essas situações ocorrem na maioria das vezes por falta de informação sobre o assunto ou pela falta de manutenção na rede elétrica. Por isso, é muito importante manter-se informado e contratar profissionais qualificados!

Para aprender mais sobre o que é um curto-circuito e como diferenciá-lo da sobrecarga elétrica, recomendamos que você assista o vídeo abaixo!

Se você gostou desse artigo, compartilhe-o com os seus amigos e nos acompanhe nas redes sociais, pois estamos sempre postando conteúdos exclusivos da área da elétrica! Deixe abaixo nos comentários as dúvidas ou sugestões que iremos te responder!

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário